22 de Setembro de 2009

Esplendor na Relva

Deanie (Natalie Wood) e Bud (Warren Beatty) são um jovem casal de namorados, que se amam muito, até demais...
Bud acha que a relação deles chegou a um ponto, que ultrapassa a troca de beijos e quer ir mais adiante. Deanie também. Mas a época em que vivem (anos 20), não lhes permite ir mais longe e com toda essa tensão sexual, à flor da pele e com as constantes pressões dos seus pais, o amor é quebrado por Bud, ao trair Deanie com uma colega mais "avançada" para a época.
Essa separação, traz consequências drásticas e no final as posições de ambos são trocadas.

Ora aqui está um filme que adorei e de que não estava nada à espera de gostar.
De todo o elenco, só tenho a tecer "grossos" elogios à espantosa actuação de Natalie Wood - simplesmente soberba do início ao fim.
Quanto a Beatty, achei-o um pouco frouxo. Talvez até pudesse ser esse o intuito, mas senti falta de carisma no seu personagem.
Elia Kazan mostrou, mais uma vez, a sua genialidade atrás da câmara, ao realizar este espantoso filme.
O argumento mostra uma inteligência de diálogos muito boa e a "cereja no topo do bolo" é a frase final de Wood, sobre o esplendor na relva (a relembrar a cena que fez desencadear toda a tensão do filme, a meio deste).
Sem dúvida, um filme que quero comprar para adicionar à minha colecção.

NOTA: 9,5/10

Esplendor na Relva (Splendor in the Grass)
Realizador: Elia Kazan
Interpretes: Natalie Wood; Warren Beatty;...
Definições: 124 min. / Cor / 1961 - USA

Para ver o trailer, clicar aqui

9 comentários:

  1. esse é um da filmografia de Kazan que tenho muita vontade de conferir. deve ser excelente mesmo.
    bj, Gema:)

    ResponderEliminar
  2. E só não dei o 10, pela interpretação de Beatty, que não me agradou muito.
    Bjks

    ResponderEliminar
  3. Gema,

    Adoro o Elia kasan, prepararo uma postagem do "Stretcar Named Desire", amo Tenesse Williams; obra, peça e filme! Este com a Natalie e o Warren tabm adoro, grandes clássicos!

    Obrigado pelo comentário lá no meu blog, sua opinião é muito importante. Adorei ler seu Longo comentário. É assim que eu gosto!

    Bjokas amiga S2!!!!!
    :)

    ResponderEliminar
  4. Gema, realmente é um grande drama e ver a linda e precocemente falecida Natalie Wood bem nova é um grande prazer.
    Aqui no Brasil o filme se chamou "Clamor do Sexo".

    Bjos

    ResponderEliminar
  5. É um belíssimo filme. Tal como tu não estava à espera daquela força. Um turbilhão de sentimentos sempre em movimento. Aconselho a todos.

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  6. Belo filme do Elia Kazan, Natalie Wood brilha em cena, adoro essa atriz, encantadora e graciosa, Warren Beaty q é ótimo está muito bem tbm!
    Aqui o nome é Clamor do Sexo!
    Abs! Diego!

    ResponderEliminar
  7. Rodrigo - Esse é outro filme que gostaria de ver, ainda não tive essa chance. Elia Kazan é mesmo muito bom realizador.
    Obrigado por não levares a mal, o meu comentário grande...
    Bjks

    Hugo - O vosso titulo até é algo bem real no filme e não está mal de todo ;) Eu gosto imenso de Natalie Wood.
    Bjs

    Red Dust - É que não estava mesmo nada á espera que o filme fosse tão bom ;)
    Bjks

    Dewonny - Não partilho a mesma opinião quanto a Beatty, não gosto tanto do seu desempenho, mas Wood, está magnifica.
    Bjs

    ResponderEliminar
  8. mais um dos grandes filmes do Kazan, poucos filmam como ele!

    ResponderEliminar